manos-mundo-blog-2-720x384
Um projeto internacional que o Movimento dos Focolares propõe aos jovens que querem se exercitar em campo, como protagonistas, para “transformar o mundo com as próprias mãos”.
O Projeto MilONGa = Mil ONGs em ação foi criado para oferecer a jovens acima de 18 anos a oportunidade de se aventurar, como protagonistas, nos canteiros de desenvolvimento social das periferias do mundo. A iniciativa é promovida pelo Movimento dos Focolares, em diálogo com outras organizações humanitárias no território, no respeito às diversidades, objetivando a uma cultura inclusiva e fraterna.
Para a sua atuação, os Focolares colocam à disposição as próprias estruturas presentes nos cinco continentes e a sua experiência no âmbito das relações internacionais, oferecendo aos jovens a oportunidade de se tornarem promotores de paz e de diálogo, num esforço constante de construir pontes entre indivíduospovos e culturas. Outro objetivo é o de desenvolver nos jovens aquelas competências transversais capazes de torná-los parte ativa dentro do próprio grupo e em condições de influenciar os processos decisórios e os estilos de vida nos respectivos contextos sociais.
Trata-se de uma forma de “voluntariado intercultural” que, procurando capitalizar o patrimônio adquirido com a implementação de numerosos projetos sociais no mundo, permite que as novas gerações se exercitem, como protagonistas, nos processos de transformação. Uma ocasião para aprender a se confrontar – no estilo da reciprocidade – com os diferentes contextos culturais; colocar em ação o exercício da cidadania ativa; desenvolver as próprias competências relacionais e de liderança. Tudo isto sempre em conjunto com os outros atores do projeto, num percurso de crescimento já não individual e isolado, mas em conjunto.
La-Casa-de-los-Niños-01
A primeira fase prevê destinações em países da América Latina e Caribe, para depois se alargar também, a outras áreas onde estão presentes atividades de desenvolvimento socialmente inclusivo aptas à acolhida. Os jovens poderão transcorrer períodos de um a seis meses, acompanhados por voluntários e monitores locais.
No portal United World Project é possível ter uma visão das localidades onde se realizará o serviço voluntário e baixar o arquivo em pdf para a inscrição. Em seguida, os coordenadores regionais entrarão em contato com os inscritos para uma entrevista e para avaliar com eles uma proposta personalizada que prevê também uma formação preliminar (realizada em colaboração com a AMU, Ong dos Focolares); atividades informais de teambuilding e networking; e apresentação das realidades associativas que os acolherão localmente.
Atingida a meta, após um breve período de treinamento em relação ao contexto local, os jovens iniciarão o período estabelecido de voluntariado, durante o qual inclusive estão previstas visitas culturais, participação em eventos internacionais e atividades de lazer.
Para a Europa, a entidade responsável pela seleção e envio dos voluntários é New Humanity, para a área Hispano-americana é Sumá Fraternidad, e para o Brasil, Sociedade Movimento dos Focolari.