Para se conquistar essas duas virtudes é necessário ter uma profunda compreensão do amor. Compreender o que significa amar a todos e amar sempre.
As virtudes não são qualidades adquiridas com o simples combate aos vícios e aos maus hábitos. Elas são a vitória do bem sobre o mal dentro de nós mesmos.
As virtudes são o triunfo do amor em nosso coração, que se revela em atitudes.
O amor é, portanto, gerador de todas as virtudes; a paciência é uma virtude que se coloca como auxílio e sustento de todas as outras; a mansidão é o equilíbrio entre a dor e o amor, entre a cruz e a ressurreição.
Conquistar a paciência e a mansidão significa tomar a própria cruz, renunciar a si mesmo e seguir a Cristo, que é manso e humilde de coração.

Apolonio Carvalho Nascimento