De 15 a 19 de janeiro, cerca de 110 padres, sacerdotes, diáconos e seminaristas de diversas cidades do Brasil participaram do retiro anual dedicado a eles no Centro Mariápolis Ginetta.
Durante os 4 dias, muitas foram as oportunidades de reflexão e formação. A focolarina Darci, apresentou aos presentes a meditação de Chiara Lubich “A Paixão pela Igreja”, do ano de 1966. Outra temática foi “O sacerdócio e a pastoral à luz do pontificado do Papa Francisco”, conduzido pelo Padre Hélio.
E não parou por aí. Também aprofundaram “A vocação da Obra à Unidade”, “A formação sacerdotal à luz da Ratio fundamentalis“, Afetividade e Relacionamentos e dois temas incríveis sobre o ponto da espiritualidade em estudo este ano no Movimento dos Focolares: “Via Mariae”, de Chiara Lubich e “Em Maria, o nosso desígnio”, tema principal de 2018.
As experiências permearam os temas como os desafios de levar o carisma da Unidade nos seminários, os desafios da vocação, entre outras.

Abaixo, algumas impressões.
[symple_testimonial by=”Diolino (seminarista da Diocese de São Mateus – ES” fade_in=”false”]Manifesto aqui a alegria em participar desse retiro espiritual para padres, diáconos e seminaristas do movimento. Vivenciei nestes dias intensos momentos de espiritualidade e aprofundamento do carisma da unidade, além de uma riquíssima comunhão fraterna entre os participantes. Destaco aqui: as meditações diárias, sobretudo as de Chiara Lubich; a reflexão do Pe Ricardo sobre o documento Ratio fundamentalis e a reflexão do focolarino e psicólogo Alex sobre “Afetividade e Relacionamentos”. Agradeço a Deus, à formação e a todos os membros do Movimento dos Focolares aqui do ES por não medirem esforços na comunhão e providência, graças a vocês, estas experiências foram possíveis. Sinto-me fortemente enriquecido e motivado diante dos momentos vivenciados, e impulsionado a fazer uma caminhada em vista de construir a unidade no meu círculo de convivência.  [/symple_testimonial]
[symple_testimonial by=”Jonathan (seminarista da Diocese de São Mateus)” fade_in=”false”]: mais uma vez, volto deste retiro fortalecido e revigorado. É sempre bom está naquele pedacinho do paraíso, viver a unidade entre padres, diáconos e seminaristas concretizando Jo 17,21 “que todos sejam um”. Mais feliz fico ainda por não ter ido sozinho e vivenciar estes dias com os irmãos seminaristas Diolino e Rafael. Acredito que representamos bem nossas dioceses e o estado do ES. A melhor retribuição a cada um de você que nos ajudaram é a oração, certo de que a recíproca é verdadeira. Afirmo ainda que, vocês estão colaborando com nossa formação, pois o carisma não nos impõe nada que vá contra as diretrizes da formação dos novos presbíteros, senão potencializar aquilo que há de melhor. Na unidade sempre! [/symple_testimonial]
[symple_testimonial by=”Rafael Martins (seminarista da Arquidiocese de Vitória)” fade_in=”false”]: É quase impossível expressar por palavras a experiência que vivi durante o retiro anual dos padres e seminaristas. Diante do carisma da unidade, pude perceber a presença de Deus em cada gestos e palavras das pessoas que ali se encontrava. Pois não importa como está a minha vida, ao olhar para Maria, a Virgem Desolada, Jesus sempre se faz presente quando me coloco a disposição da sua obra. Também não posso deixar de me expressar como foi gratificante poder viver o carisma da unidade entre os padres e seminaristas e buscando aprofundar cada vez mais neste amor recíproco porque todos somos um. Com certeza com essa experiência que eu vivi durante esses dias de retiro a minha vocação ficou mais evidente e tendo de fato a convicção que é o próprio Deus que me chama a viver e ter essa vida. [/symple_testimonial]