Misericórdia, compaixão, ternura de pai e de mãe, bondade infinita. Um dicionário com todos os termos positivos que expressem sentimentos bons não seria suficiente para definir o que Deus sente por nós. Somos suas criaturas e Ele nos ama com amor imenso. Da mesma forma devemos nos amar entre nós, pois o amor exprime ao mesmo tempo o ser e o sentir de Deus. A sua ternura profunda é o seu sentir e a sua bondade infinita é o seu agir. A sua compaixão sem limites é o seu sentimento e a sua misericórdia constante é a sua ação. Revestir-nos dos seus sentimentos é deixar que a sua santidade aja em nós. “Sede santos como o Vosso Pai do céu é santo” (Mt 5,48) E a santidade de Deus é a perfeição do amor.
Apolonio Carvalho Nascimento