Quando estamos fora do nosso país, principalmente se estamos em grupo, fazemos questão de demonstrar de alguma maneira quem somos, gostamos de mostrar nossa cultura e tradições.
Deveríamos fazer o mesmo enquanto povo de Deus. Alguns o fazem de forma explícita, com símbolos religiosos como crucifixos, rosários pendurados no retrovisor do carro, adesivos com frases bíblicas, roupas que indicam a que religião pertencem, etc.
Tudo isso é válido se tem por trás uma vida comprometida com o que se professa, caso contrário de nada vale. Se não existe o amor a Deus e ao irmão, serão apenas adornos sem nenhum significado.
Como diz Paulo em 1Coríntios 13,3: “Posso dar tudo aos pobres,…e até lançar meu corpo às chamas, mas se não tiver amor, de nada me serve.”
Portanto, testemunhar antes de tudo com a vida.
Apolonio Carvalho