Eu acho que existem dois comportamentos que não agradam a Deus e que, às vezes, nós praticamos. É a autocomiseração e a autocondenação. Isto é, achar que sou a pessoa que mais sofre neste mundo, que a minha dor é maior que a dos outros, e me autocondenar, achando que não sou digno de perdão.
Esses dois comportamentos são frutos de uma falsa humildade.
A verdadeira humildade é colocar-me diante de Deus com o coração cheio de gratidão, inclusive pelas dores e dificuldades que enfrento; é saber que, mesmo sendo muito pecador, Deus me acolhe e me perdoa, e que sou digno do Seu amor de forma gratuita.
Portanto, se Deus tem misericórdia de mim, também eu devo ser misericordioso em relação a mim mesmo.

Apolonio Carvalho Nascimento