“Sede fecundos e multiplicai-vos, enchei a terra e submetei-a!” (Gn 1,28)
Na narração da Criação Deus entrega toda a criação aos cuidados do ser humano: dominar todos os animais da terra, do mar e as aves do céu, e usufruir de todas as plantas frutíferas e que dão sementes. (Cf. Gn 1,29-31)
Submeter a terra no sentido de cuidar dela, de zelar pela sua integridade; no sentido de evitar a depredação, a exploração desordenada.
Cuidar da criação para colocá-la novamente, com toda a sua exuberância, diante do seu Criador.
É suficiente que cada um de nós desenvolva a consciência da preservação, para que possamos reconstruir o Paraíso na terra.

Apolonio Carvalho Nascimento