Estar próximo a alguém é muito mais do que apenas encorajar. É sentir como próprios os sentimentos do outro, as suas angústias, as suas dores, assim como os seus sucessos e vitórias.
É tornar-se presente de alguma maneira: fazer-lhe uma visita, enviar uma mensagem, telefonar, demonstrar interesse por tudo que lhe acontece, com o desejo sincero de partilhar de sua vida.
Da mesma forma, comunicar-lhe tudo o que me diz respeito: minhas dificuldades, minhas alegrias e conquistas.
A partilha é o modo mais eficaz para demonstrar proximidade a cada pessoa.
A proximidade é sinônimo de comunhão, isto é, tudo o que sou e tudo o que tenho pertence também aos outros: dons, talentos, bens materiais, bens espirituais. Tudo a serviço dos irmãos.

Apolonio Carvalho Nascimento