Nós temos de testemunhar a nossa fé com gestos concretos. A nossa profissão de fé deve levar as outras pessoas a crerem no amor de Deus por elas.
Para dar um testemunho fiel, temos de perseverar na fé, o que significa também perseverar no amor ao próximo e no amor mútuo.
A perseverança na fé adquire seu sentido verdadeiro quando amamos.
Quem tem fé, mas não ama, tem uma fé infrutífera, que não serve nem mesmo para si próprio.
Quem professa a sua fé dizendo: “Eu creio em Deus Pai todo-poderoso”, deve crer igualmente em Jesus Cristo e no seu mandamento novo: “Amai-vos uns aos outros como eu vos amei.”
Perseverar na fé é agir com a ajuda do Espírito de Deus que habita em nós.

Apolonio Carvalho Nascimento