Hoje o meu propósito vai ser o de saudar cada pessoa que eu encontrar com muito amor no coração.
Um “Bom dia”, um simples aceno, responder uma mensagem, encontrar pessoas, falar com um desconhecido. Que seja tudo revestido de cordialidade. Porém, uma cordialidade que seja fruto do imenso desejo de amar a todos sem fazer distinções.
Quero ter uma cordialidade profundamente sincera, quando uma simples saudação significa o desejo de felicidade plena para o outro.
Posso ser reconhecido como cordial por dois motivos: por ser uma pessoa educada que sabe tratar bem a todos, ou por ser uma pessoa que ama e está sempre pronta a servir.
Vou me esforçar para ser sempre reconhecido pela segunda opção.

Apolonio Carvalho Nascimento